PT | EN
ENVIA-NOS UMA MENSAGEM geral@rostosolidario.pt
CONTACTA-NOS +351 256 336 001
FAÇA UM DONATIVO

Primeiro Encontro Nacional da Rede de Multiplicadores Eurodesk Portugal de 2019

Decorreu entre 13 e 15 de março, no Porto, o primeiro Encontro Nacional da Rede de Multiplicadores Eurodesk Portugal de 2019.

Um encontro importante, sobretudo pelo arranque oficial da preparação da Semana Europeia da Juventude 2019, que prevê centenas de eventos para jovens por toda a Europa, entre 29 de maio e 05 de abril, com o tema Democracy and Me.

A Rosto Solidário, em parceria com o Gabinete da Juventude da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, irá promover um conjunto de iniciativas com o objetivo de sensibilizar os e as jovens para as grandes conquistas do Projeto Europeu, informar sobre as oportunidades Erasmus + e Corpo Europeu de Solidariedade e ainda, apoiar a divulgação da abertura de nova chamada para a Discover EU que irá decorrer entre 2 a 16 de maio.

Três dias de partilha de boas práticas, de respostas a desafios na comunicação com os jovens, de reflexão sobre o perfil do Youth Advisor e sobre a Europa dos Cidadãos e ainda de planeamento geral e melhoria contínua da Rede.

Desde 2016 que a Rosto Solidário integra esta rede de trabalho, que na Associação se enquadra na área de intervenção Educação e Cidadania Global (ECG). O facto da RS se constituir multiplicador Eurodesk contribui para a prossecução dos objetivos estratégicos presentes no seu Plano Estratégico para o quadriénio 2017 – 2020, especialmente para “afirmar o conhecimento e experiência (know-how) a nível local e regional, sob uma estratégia integrada de ECG”, em que as atividades do Eurodesk concorrem, sobretudo pela partilha metodológica da educação não-formal, pela capacitação dos jovens, pela partilha e visibilidade do trabalho realizado e pelo desenvolvimento de redes de trabalho.

Acresce que, pela execução do plano de atividades do Eurodesk, a RS conjuga a informação aos jovens e profissionais de juventude sobre as oportunidades de mobilidade para a aprendizagem, com a reflexão sobre a interdependência entre realidades distintas, a procura de soluções locais e globais para as desigualdades e assimetrias socioeconómicas, também elas locais e globais, e ainda com a tomada de consciência do seu papel na transformação social e da responsabilidade do exercício da cidadania e participação cívica à escala global, princípios charneira da ECG.

 

Subscreva a nossa newsletter